SURFISTAS MOVIDOS A ÁLCOOL.

SURFISTAS MOVIDOS A ÁLCOOL.

POR: KIKO BUNGUS

Já comentei que até o final dos anos 80 as roupas de borracha no Brasil eram muito caras e a galera do surf mais dura como eu e 80% dos surfistas da época tínhamos que nos virar como dava no inverno e dias mais frios, usando camisas de lã, roupas de mergulho emprestadas ou apelar pra “marvada” pra esquentar o corpo antes do momento traumático e doloroso de pisar descalço na areia gelada e entrar na água congelante.
 
Mas mesmo nos anos 90 as roupas de borracha ainda continuavam caras e era raro quem tinha mais de 1 roupa de neoprene, então surfar 2 vezes no mesmo dia ou 2 dias seguidos, vestindo a roupa molhada em dias frios era torturante!
 
Exigia toda uma preparação psicológica e foco.
 
Agora imagine que os invernos até meados da década de 90 eram de pelo menos 3 meses de frio realmente intenso, com muitos dias abaixo de 10º C, e nós no auge do vigor físico, doentes pelo surf e irresponsáveis, não perdíamos a oportunidade de irmos pro barraco do Boca no costão direito da Lagoinha do Leste e ficarmos lá durante o máximo de tempo possível, especialmente na época da tainha e restante do inverno, quando as ondas eram especialmente constantes e boas.
SURFISTAS MOVIDOS A ÁLCOOL.
SURFISTAS MOVIDOS A ÁLCOOL.
O barraco do Boca era rudimentar, com aproximadamente 3 metros por 3 metros, frestas que passavam uma barata ou escorpião confortavelmente, que nos empenhávamos em revestir colando páginas de revistas de surf, mas em dias realmente frios parecia um freezer de madeira pra congelar surfistas destemidos e insensatos.
 
As principais vantagens eram ele ser protegido do vento sul direto e da janela ter uma vista privilegiada das ondas em toda a praia.
 
Podíamos ver as condições do mar e o melhor pico só abrindo a janela e esticando o pescoço.
 
Se as condições estavam boas era aquele berreiro de alucinados, pulando dos cobertores enfumaçados e colchões encardidos e prontos pra ação.
SURFISTAS MOVIDOS A ÁLCOOL.
SURFISTAS MOVIDOS A ÁLCOOL.
Pra manter as roupas de borracha mais quentes e secas, sempre que saíamos do surf a galera já tomava a ducha de água doce com a roupa e colocava ela pra secar numa pedra ao sol, mas em dias nublados ou chuvosos não tinha jeito, ficavam penduradas perto do fogão a lenha, como carne defumando.
 
Sendo assim, pra enganar o frio apelávamos o tempo todo pra cachaça e por isso cada um que ia pro barraco no inverno tinha obrigação de levar seu garrafão de cana.
 
Se esquecesse, tinha que voltar pra buscar, era a lei!
SURFISTAS MOVIDOS A ÁLCOOL.
SURFISTAS MOVIDOS A ÁLCOOL.
Foi assim que o Tibúrcio conseguiu tantos garrafões pra construir a casa dele!
 
Tomávamos café com cachaça pra esquentar de manhã, por a roupa fria e ir pra água, depois do surf um traguinho pra fazer o almoço, mais um pouco de cana com café pro último surf do dia e uma carga especial com ou sem vinho pra ajudar a dormir.
 
A medida que a grana e a cachaça iam acabando a gente ia racionando a cana até o ponto de ter que vir pra “civilização”, até reunir forças e condições pra voltar pra Lagoinha.
 
Era um tempo bom, de poucas preocupações e compromissos e fico feliz por nenhum de nós da raça ter perdido a mão e se tornado alcoólatra.
 
Creio que tanto quanto pra combater o frio na época, a cachaça servia como um catalizador pro grupo, onde não éramos viciados na cana e sim no surf.

DICA DE LEITURA IN PARADISE

IN PARADISE LOJA

🌴Acesse: https://inparadise.com.br/

🌴Entre pro nosso Grupo de Boletim das Ondas do Telegram: https://t.me/inparadisesurfgrupo

🌴Canal Telegram: https://t.me/inparadise

🌴Siga-nos no Instagram: https://www.instagram.com/inparadise_site/

🌴Facebook: https://www.facebook.com/siteinparadise/

🌴Twitter: https://twitter.com/SiteInParadise

🌴Pinterest: https://br.pinterest.com/inparadisebr/

🌴You Tube: https://www.youtube.com/Siteinparadise

BAIXE NOSSO APP E FIQUE LIGADO EM TUDO QUE ACONTECE POR AQUI!

Confira mais promoções no In Paradise! Clique aqui!

IN PARADISE RADIO! OUÇA SEM MODERAÇÃO! CLIQUE AQUI!

In Paradise é um site de variedades e estilo de vida, voltado aos esportes, cultura e meio ambiente.

Desde sua fundação em Abril de 2013, vem conquistando novos internautas apaixonados por esse nicho a cada dia.

Esses internautas são homens e mulheres espalhados pelo mundo, que gostam de estar sempre antenados nas novidades e de experimentar coisas novas e divertidas.

Somos apaixonados por esportes, cultura, meio ambiente, moda, designer, fotografia, gastronomia e tudo que existe por ai de mais criativo.

Além disso, o In Paradise tem um layout amigável e integrado com as principais redes sociais interativas.

O site se conecta com seus leitores por meio de um editorial relevante e original, construindo uma relação fiel de parceria com seu público.

Deixe seu comentário!

Comentários

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.